domingo, 29 de maio de 2011

Jazz covers

Imagem :  Fabio Venni


Vocês perceberam que a Lily Allen agora deu pra cantar Womanizer, né ?




Vamos admitir que essa versão piano piano, ficou bem bacana. Mas como todo mundo sabe, não é de hoje que os artistas vem criando versões covers e insólitas de músicas famosas. Nesse post, vou começar com algumas versões jazz de músicas pop/rock...

Tenho uma coleção de versões rock de músicas lentas, jazz, etc. Também é bem doido, mas fica pra próxima ; )

Com vocês, um dos artistas mais conhecidos no "ramo",  Richard Cheese e seu trio, que fazem um monte de versões por aí....

Beat it - Michael Jackson


 Chop Suey! - System of a Down


 Last Resort - Papa Roach



Pesquisando mais sobre o tema, encontrei outros artistas que eu não conhecia, mas que fazem ótimas versões também...


O Yaron Herman fez uma versão de Toxic, também da Britney :


Essa versão de Papparazzi da Lady Gaga, quase caseira, do Ben Sharkey, também é muito boa !


Creep, versão de Frank Bennet :

 

E aí ? Com essas versões, duvido alguém mais dizer que não gosta da Britney !

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Melhores idéias flashmobescas...

Segundo consta no pai dos burros mais consultado da rede, o Wikipedia, Flash Mobs são aglomerações instantâneas de pessoas em um local público para realizar determinada ação inusitada previamente combinada, estas se dispersando tão rapidamente quanto se reuniram. A expressão geralmente se aplica a reuniões organizadas através de e-mails ou meios de comunicação social.

Ontem em Paris, tava rolando um flash mob publicitário em Paris... Quem dera que as obras aqui no prédio fossem nesse ritmo !



Claaaaaaaro que as empresas já se deram conta que se trata de uma ótima estratégia de marketing. No Rio de Janeiro, o exemplo mais conhecido é o famoso flash mob organizado pela TAP Portugal no Aeroporto Antônio Carlos Jobim (Galeão, mas eu prefiro Jobim!) :


Mas a moda pegou também para chamar a atenção das pessoas para causas específicas. O site francês Flashmob por exemplo, organiza esses eventos postando vídeos com as coreografias que serão executadas ! Atualmente, a associação Mouvance d’Arts está convocando um flash mob dia 5 de junho para a divulgação da Fête de la Danse.


Viram só ? Muito doido, né ? Mas pra mim, um dos melhores é o Freeze Trocadéro, realizado uns 3 anos atrás...


A briga pelo título que eu acabo de inventar de Autor das melhores idéias flashmobescas, começa a engrossar quando assistimos aos vídeos e as doideiras dos americanos do Improve Anywhere, um dos pioneiros dessas manifestações artísticas. Aliás, um dos primeiros flash mobs que eu vi, foi justamente o equivalente do frozen anterior versão new-yorkaise na Grand Central Station :


E aí, quem vai ganhaaaar, menino ou meninaaaaa ? Euuuh... Quero dizer, Paris ou New York ?

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Iphan : Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade 2011


(Divulgação)
Estão abertas as inscrições para a 24ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan, que este ano está inserido nas comemorações do Ano Internacional do Afrodescendente e homenageia os 100 anos de nascimento do artista plástico Carybé. As inscrições podem ser feitas até o dia 8 de julho nas Superintendências do Iphan em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. 



Cada ação só poderá ser inscrita em um das sete categorias previstas no edital. Os candidatos, pessoas físicas ou jurídicas, deverão apresentar um dossiê, ilustrado para caracterizar plenamente a atividade. Comissões presididas pelas Superintendências do Iphan em cada unidade federativa promoverão a pré-seleção das ações  correspondentes aos seus estados ou Distrito Federal. Em seguida, as ações pré-selecionadas serão encaminhadas para a Comissão Nacional de Avaliação. Os resultados serão anunciados no mês de outubro. Os vencedores de cada categoria serão premiados com troféu, certificado, selo de identificação e R$ 20 mil. 



Rodrigo Melo Franco de Andrade

O advogado, jornalista e escritor Rodrigo Melo Franco de Andrade nasceu em 17 de agosto de 1898 em Belo Horizonte. Foi redator-chefe e diretor da Revista do Brasil. Na política foi chefe de gabinete de Francisco Campos, atuando na equipe que integrou o Ministério da Educação e Saúde do governo Getúlio Vargas. O grupo era formado por intelectuais e artistas herdeiros dos ideais da Semana de 1922. Rodrigo Melo Franco de Andrade comandou o Iphan desde sua fundação em 1937, até 1968. 



O Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade foi criado em 1987 em reconhecimento a ações de proteção, preservação e divulgação do patrimônio cultural brasileiro e está dividido em sete categorias: 

• Promoção e Comunicação

• Educação patrimonial

• Pesquisa e inventário de acervos

• Preservação de bens Móveis 

• Preservação de bens Imóveis

• Proteção do patrimônio natural e arqueológico; e

• Salvaguarda de bens de natureza imaterial



O edital da 24ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade está à disposição nas Superintendências do Iphan e nos sites www.iphan.gov.br e www.comprasnet.gov.br. Informações gerais podem ser obtidas no Departamento de Articulação e Fomento - DAF / Coordenação-Geral de Difusão e Projetos, em Brasília, SBN Quadra 02, Edifício Central Brasília, 2º andar - Cep: 70040-904. 

Telefones: (61) 2024.6199, 2024.6245 e 2024.6176. Fax: (61) 2024.6198. Endereço eletrônico: daf@iphan.gov.br

Informações online, aqui.

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Festival Varilux de Cinema Francês 2011

Pra me redimir da Mostra de Cinema Amor à francesa, e que eu divulguei mais do que em cima da hora, essa eu vou postar com bastante antecedência que é pra todo mundo se programar direitinho.

Do dia 8 ao dia 16 de junho de 2011, o Rio de Janeiro será novamente privilegiado ao receber não somente uma nova edição do Festival Varilux de Cinema Francês 2011 (ex Panorama du Cinéma Français) mas também sediando pré-estréias e contando ainda com a presença de atores e diretores. Chique, não ?







Vale muito a pena pra mudar um pouco dos filmes americanos que batem sempre na mesma tecla ! Em 2009, pudemos assistir ao filme Mesrine, inimigo público no. 1, com direito à debate e perguntas no final da seção, na presença de toda a equipe ! Em clima de vedettes, encontramos o Vicent Cassel, uma das estrelas do premiado filme Black Swan e o Gilles Lelouche, aliás, que ódio que também não tiramos foto com ele ! (Me arrependo até hoje...)

Se você não é do Rio de Janeiro, não se desespere. O festival acontece simultaneamente em outras cidades brasileiras como Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Campos (!), Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Juiz de Fora, Macaé (!), Maceió, Natal, Porto Alegre, Recife, Salvador, Santos, São Luiz, São Paulo e Vitória.

Imagem : Reprodução.

Update, já divulgaram maiores informações ! As salas participantes no Rio de Janeiro são :

Cine10 - Sulacap
Estação SESC Barra Point
Estação SESC Ipanema
Instituto Moreira Salles
Odeon Petrobras (Abertura)
Unibanco Arteplex Botafogo

E os filmes em cartaz :
Copacabana
Lobo
O pai dos meus filhos
Os nomes do amor
Potiche <- Queria ter assistido ! Embora ser com o Depardieu, que eu acho um pouco repetitivo....
Simon Werner desapareceu
Um gato em Paris
Uma doce mentira
Xeque-mate



Venus negra <- É do Abdellatif Kechiche, um ótimo diretor ! Mas parece que é beeeeeeeem chocante... Já me disseram que eu não aguentaria as cenas mais fortes do filme, então acabei não indo vê-lo no cinema. Agora tô na dúvida se eu alugo ou não...





E vocês ? Tem coragem de assistir ? Então tá na hora de começar a preparar sua agenda, saquinhos de pipoca, frutella e drops de hortelã !


Um pouco mais sobre o cinema francês...

A produção cinematográfica na França é uma das mais dinâmicas da Europa atualmente. Se os  franceses não são lá especialistas em filmes de grande circuito repletos de efeitos especiais à la hollywoodienne, suas produções deixaram sua marca ao longo da história do cinema, como a Nouvelle Vague, de Godard e Truffaut, da década de 50.

Segundo o Centre National de la Cinématographie (CNC), Paris contava em 2006 com o impressionante número de 379 salas de cinema, distribuídos em apenas 10 540 hectares. O último censo do INSEE estimou a população da capital francesa em 2 211 297 habitantes em 1o. de janeiro de 2008, ou seja, uma sala para cada 5 834 habitantes.

A França conta ainda com importante festivais e prêmios no cinema, como o famoso Festival de Cannes e Les Césars du Cinéma. Isso sem falar de festivais mais modestos, toda "grande" cidade francesa tem o seu...  O site Wikipedia, lista 79 festivais de cinema, curtas e animações realizados anualmente em seu território, sem contar com os festivais como este, de cinéma français realizados ao redor do mundo. Nomes como Pathé e Gaumont, grandes redes francesas de distribuição de filmes, são nomes facilmente conhecidos do grande público inclusive no Brasil.

Assim sendo, podemos constatar que os franceses são extremamente apaixonados pela sétima arte. Sites como Senscritique e Allociné, que além de divulgarem toda a programação atual dos cinemas e outras artes, permitem que o usuário crie um perfil e faça suas próprias críticas de filmes, livros, revistas em quadrinhos, programas de televisão e em breve música (eu escrevi pedindo que adicionassem também exposições, museus e galerias, vamos ver no que dá !) são uma verdadeira febre. Poderíamos até dizer que o Senscritique é quase uma versão cult do Facebook !


Cinema no Brasil e um público de 180 milhões de pessoas : um mercado cheio de oportunidades a ser desenvolvido ?

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Fórum Jovens arquitetos latino-americanos

Inscrições abertas para o Fórum Jovens arquitetos latino-americanos, um evento que visa divulgar e debater a arquitetura contemporânea latino-americana.



Apresentação

Tendo em vista que a maioria das publicações que se encontra é sobre arquitetos já renomados e que atuam em realidades sócio-econômicas bastante distintas da nossa, nem sempre é possível ver em suas práticas algo passível de aplicação à nossa atividade cotidiana.
Ao mesmo tempo, a procura de uma identidade para a arquitetura latino-americana vem sendo questionada, visto que, no atual mundo globalizado, torna-se difícil estabelecer elementos regionais que possam unir, em um estilo latino-americano, a arquitetura de seus diversos países. Não há dúvidas, no entanto de que questões políticas, sociais e econômicas acabam por aproximar a produção arquitetônica desses países.
Nos últimos anos, desenvolve-se na América Latina uma produção arquitetônica de valor, através de sua nova geração de arquitetos. Geração essa que vêm provando que, em meio à escassez de recursos e de tecnologias muito avançadas, é possível fazer uma boa arquitetura.
Assim, pareceu adequado explorar como esses arquitetos, inseridos em contextos similares, vêm respondendo de forma inovadora às questões contemporâneas, propondo novas maneiras de se pensar e fazer arquitetura, gerando novas formas de se viver as cidades, de se relacionar com os espaços e de se utilizar novos materiais e técnicas construtivas de forma mais racional, econômica e criativa. Mais do que quais são as novas respostas que esses arquitetos estão dando, interessa-nos saber quais são as perguntas que eles identificam como importantes e buscam responder através da arquitetura.


Comissão Organizadora do Fórum Jovens Arquitetos Latino - Americanos 2011


Programação


Maiores informações no site !

terça-feira, 17 de maio de 2011

Chamada para posters : - I SIMPÓSIO FLUMINENSE DE PATRIMÔNIO CULTURAL-CIENTÍFICO 2011

Divulgando este evento, que é uma das ações que integram a Semana Fluminense do Patrimônio Cultural que ocorerrá em diversas instituições no mês de agosto.





A realização do I Simpósio Fluminense de Patrimônio Cultural-Científico com a temática de “Planos Integrados de Preservação: sítios, edifícios históricos e coleções”, representa um grande esforço das instituições científicas organizadoras no sentido de estreitar os laços que as une à outras instituições científicas fluminenses.

Será uma oportunidade de trocar experiências e questionamentos críticos a fim de trilhar o complexo caminho da preservação do patrimônio histórico. Compreendendo que um determinado bem não pode ser preservado fora de seu contexto, serão abordadas três escalas de atuação no campo: o sítio histórico, o edifício de interesse histórico e suas coleções.

As instituições que organizam e que apóiam o evento são detentoras de acervos técnicos e científicos, sejam coleções, edificações históricas e sítios históricos. Os atuais desafios que as instituições enfrentam hoje, dizem respeito tanto à limitação de seu crescimento físico no território como ao acondicionamento desses acervos.

Isto evidencia a necessidade da troca de experiências e impressões entre seus pares. O planejamento, através de planos integrados de conservação, é um instrumento fundamental que precisa ser incluído na gestão institucional.

Programa da Reunião:


O encontro científico contará com duas conferências, três mesas redondas compostas por palestrantes convidados ao longo de 02 dias e sessões de pôsteres. Essas atividades serão realizadas no auditório da Fundação Casa de Rui Barbosa, no bairro de Botafogo. É prevista uma visita no terceiro dia ao campus da Fiocruz Manguinhos para o fechamento do evento. O objetivo desse passeio é apresentar o sítio e as edificações históricas da instituição.

Programação:


1° Dia – Quinta feira, dia 18 de agosto

9:00 – 10:00 – Credenciamento e montagem de pôsteres.

10:00 – 10:30 – Mesa de abertura

10:30 – 11:00 – Coffee-break

11:00 – 12:00 – Conferência de abertura com o Prof. Dr. Silvio Zancheti (CECI- MDU/UFPE)

12:00 – 13:30 – Almoço

13:30 – 17:00 – Mesa-redonda 01: Sítios históricos

17:00 – 18:00 – Sessão de pôsteres.

Local: Auditório do anexo da Fundação Casa de Rui Barbosa

Endereço: Rua São Clemente, 134 – Botafogo – Rio de Janeiro

2° Dia – Sexta feira, dia 19 de agosto

9:00 – 9:30 – Café da Manhã

10:00 – 12:00 – Mesa-redonda 02: Coleções

12:00 – 13:30 – Almoço

13:30 – 17:00 – Mesa-redonda 03: Edificações históricas

17:00 – 18:00 – Conferência de fechamento com a Profa. Dra. Beatriz Kuhl (FAU/USP)

18:00 – 18:30 – Coquetel de encerramento

Local: Sala do Centro de Recepção

Endereço: Av. Brasil, 4365 – Manguinhos – Rio de Janeiro

3° Dia – Sábado, dia 20 de agosto

10:00 – 11:00 – Visita ao campus Fiocruz Manguinhos acompanhada pelo arquiteto Renato Gama-Rosa Costa

Chamada de trabalhos para apresentação em pôsteres:

A submissão de trabalhos científicos, relacionados aos temas do simpósio, está aberta para profissionais, pesquisadores e estudantes de graduação e pós-graduação. Os interessados em apresentar seus trabalhos deverão encaminhar resumos expandidos de suas pesquisas.

Após a seleção pelo comitê científico, as propostas selecionadas serão expostas na forma de pôsteres durante o evento. Dessa maneira, pretende-se estimular o corpo de técnicos e os alunos dos cursos de pós-graduação vinculados às instituições parceiras para divulgarem suas pesquisas e estudos.

O comitê fará a seleção de trabalhos a partir dos resumos encaminhados pela secretaria do evento, já com a sessão temática sugerida por seu autor. O parecer dos avaliadores deverá levar em consideração a relevância científica do assunto, a originalidade do estudo, a clareza e coerência do título e do conteúdo, a abordagem pertinente da temática e, por fim, o enquadramento do resumo em uma das linhas propostas pelo simpósio.

Por fim, só serão aceitos trabalhos submetidos seguindo essas normas e respeitando os prazos pré-estabelecidos disponíveis no site oficial do evento. Os trabalhos selecionados farão parte dos anais do evento.

Sessão Temática 1: Sítios Históricos
Sessão Temática 2: Edificações Históricas
Sessão Temática 3: Coleções.

Os resumos devem ser redigidos em fonte Arial utilizando arquivos de extensão “.doc”. Deverão conter no mínimo 750 e no máximo 1500 palavras, excluindo notas e referências bibliográficas. As propostas deverão ser enviadas por e-mail (sfpcc2011@fiocruz.br) até o dia 22 de maio.


Comitê Científico:
Marcos Granato (MAST/ON)
Cristina Coelho (DPH/COC/FIOCRUZ)
Ana Rosa de Oliveira (IPJB)
Lia Motta (IPHAN)
Yanara Haas (Sítio Burle Marx/ IPHAN)




Organização: Departamento de Patrimônio Histórico da Casa de Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Centro de Memória e Informação da Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB)
Chamada para posters : Prazo 22 de maio
Inscrições : gratuitas (em breve no site: http://www.coc.fiocruz.br/)

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Seminário Porto Maravilha : desafios e problemas

É hoje (e amanhã)! Tô postando pros aposentados que acordam cedo.



Seminário Porto Maravilha: desafios e problemas

O seminário contará com o economista Carlos Lessa, o vice-prefeito da Cidade, o Secretário Municipal de Habitação, o presidente da Cdurp, além de pesquisadores do assunto e representantes dos moradores. Um seminário como este é uma oportunidade única de se discutir um pouco mais a fundo um projeto que promete alterar de forma tão radical uma área de nossa cidade.

Quando :  
16 e 17 de maio de 2011
Onde :  
Instituto Histórico e Geográfico do Brasil
Endereço : Av. Augusto Severo, 8 - 12º andar
Glória - Rio de Janeiro

Palestra : Resíduos sólidos e reciclagem

O Rio de Janeiro ainda tem muito a aprender sobre esse assunto, será que nós arquitetos não temos um papel fundamental nesse aspecto !? Ainda vou escrever um post mais detalhado sobre esse assunto.


O Instituto de Arquitetos do Brasil - RJ e a  Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (SMH),
através do Convênio Morar Carioca, convidam para o evento:
RESÍDUOS SÓLIDOS E RECICLAGEM
Com a presença de:
Carlos Roberto Osório – Secretário Municipal de Conservação
Ângela Fonti – Presidente da Comlurb

Quando e onde :
17 de maio de 2011 às 14h
na sede do IAB-RJ
Rua do Pinheiro, 10 – Flamengo
(esquina com Rua Dois de Dezembro)

domingo, 15 de maio de 2011

Festival de Jazz do Leblon

Começou ontem na verdade, mas o programa também é a boa deste domingo : a 5a. edição do Festival de Jazz do Leblon que acontece gratuitamente na Rua Dias Ferreira (fechada ao trânsito).

Pra não dizer que este fim de semana não teve musiquinha ! Será que o cenário jazzístico carioca está moribundo ? Vejo nomes repetidos na lista dos grupos em 2010 e em 2011 e alguns sons um pouco pop demais e menos jazz, mas enfim... Quem for, me conta depois !


DIA 15 DE MAIO – PALCO GENTILEZA
Casa de Praia – Orla do Leblon



15H00 – QUINTETO NUCLEAR
O quinteto formado por Dan Sebastian (trompete), Marcelo Santos (sax), Thiago Amorim (piano), Miguel Couto (bateria) e Pablo Arruda (baixo) se propõe a tocar um jazz moderno. O repertório, em parte autoral, leva influências de funk, samba e de grandes nomes do jazz, como John Coltrane, Clifford Brown, Steve Coleman, além de Hermeto Paschoal, Lee Morgan e Moacyr Santos, entre outros.



16H00 – BONDE SOM
Grupo instrumental que existe desde 2002 na cidade do Rio de Janeiro. Mais de uma centena de shows realizados em casas de shows como Circo Voador e Espaço Sérgio Porto; além do Leblon Jazz Festival (2x), Caxambu Jazz Festival (MG), Nova Friburgo (RJ), Porto Alegre e Belo Horizonte. Nomes como Geraldo Azevedo, Zé Paulo Becker, Carlos Malta, Edu Krieger, Alessandro "Bebe" Kramer, Elisa Addor, Baia, Armandinho, Moyseis Marques, QinhO, Dadi, Leo Amuedo já participaram dos shows.
Primeiro disco lançado pela Bolacha Discos em 2008 chamado "Bondesom". Segundo álbum "Ainda danço sozinho" será lançado em 2011.



(Participação da banda no Programa do Jô, com Charlie Musselwhite)


18H15 – FINO COLETIVO

Rio Restaurant Week

Ninguém merece escrever post culinário bem na hora do almoço, mas enfim ! Semana que vem é dia de aproveitar a Rio Restaurant Week, que acontecerá dos dias 16 à 26 de maio...



Os cardápios promocionais criados especialmente para a 4a. edição do evento, incluem entrada, prato principal e sobremesa por apenas R$29,00 no almoço e R$39,00 no jantar (bebidas, serviço e couvert não inclusos).

Atenção, o preço é o mesmo em todos os restaurantes participantes, ou seja, você pode aproveitar por exemplo de um jantar no Barracuda, na Marina da Glória, por um preço extremamente razoável ! O menu especial do evento deles é

Entrée
Saladinha de bacalhau Gadus Morhua com feijão fradinho
ou
Concha de camarão cinza à Provençal


Plat
Steak de dourado à Algarvia, cebola caramelada
ou
Filé de franguinho do campo grelhado, tomate gratinado e batata saute

Dessert
Pêra confit em vinho tinto com sorvete de creme
ou
Rabanada em calda de mel à Portuguesa

O menu do Espírito Santa, em Santa Teresa, também é de dar água na boca, e eu nunca fui no Santa ! Acho que vou ficar esperando alguém me convidar...

Entrée
Canoa de banana da terra com picadinho de tambaqui
ou
Ceviche de camarão e tucunaré com hortelã e laranja lima

Plat
Torre de pirarucu fresco com molho verde e batata doce dourada
ou
Picadinho de filé mignon com cuscuz de legumes e queijo da roça

Dessert
Quadradinho de tapioca com chocolate e calda de laranja
ou
Torta de banana pacovão com creme de graviola e cassis


Isso sem falar do chiquetérrimo Real Astoria, na Enseada de Botafogo, que também está participando e se o menu não me empolgou tanto, vale a pena só pela vista pro Pão de Açúcar !


Reparem que alguns restaurantes aceitam reservas, e outros preferem atender por ordem de chegada. Não é necessário imprimir nenhum cupom, nem fazer inscrições com antecedência. Não custa nada dar uma ligadinha pra conferir.

Coté responsabilidade social, a RW sugere aos clientes dos restaurantes participantes a doação de R$1,00 em cada refeição, destinada a instituições beneficientes de cada cidade.

Hora dos namorados, entrarem em ação ! Ninguém vai reparar que vocês só comemoram 1 ano de namoro em novembro ! Maridos e amantes, convidem suas amadas para aproveitar essa semana especial sem ir à falência ! E por que não um jantar entre copines pra botar a fofoca em dia ? Lembro até hoje de um certo almoço no Aquim (que aliás, não está participando este ano... : ( ) ! O almoço é tranquilo, o problema é bater perna depois no Leblon né...

Aos leitores privilegiados que possuem o cartão de crédito Mastercard Platinum ou Black, a promoção já está valendo desde o dia 9 de maio.

terça-feira, 10 de maio de 2011

Para matar a saudade - ou - Sinta-se um turista em sua própria cidade

Se você é daqueles que fugia das aulas externas de História e Urbanismo como o diabo da cruz, mas com o tempo veio a sabedoria e você acabou se arrependendo da oportunidade perdida, nós temos a solução!


Na verdade, não exatamente nós, mas sim eles:


Os Roteiros Geográficos do Rio são um projeto de extensão do Departamento de Geografia da UERJ, que realiza passeios guiados temáticos no Centro do Rio totalmente gratuitos.

Aqui embaixo tem a programação de maio. 

Para se inscrever, mande um email para roteirosgeorio@uol.com.br ou ligue para o professor coordenador do projeto João Baptista no número 8871.7238 - mas na verdade é só aparecer e se misturar.
Em caso de chuva, os roteiros são cancelados.


Caminhando Entre Luzes no Centro do Rio à Noite

Dia 10 de maio de 2011 – terça-feira – encontro às 20 horas nos degraus da Casa França-Brasil (ao lado do CCBB)

Itinerário: Luminoso Centro Cultural Banco do Brasil – Alfândega/Casa França-Brasil do Rio Joanino –– Igreja Nossa Senhora da Candelária, Fonte de Luz e de Fé – O iluminamento do Centro Cultural dos Correios – Rua Primeiro de Março – O foco de luz distante e permanente do Antigo Senado e da Catedral de Benedito e da Senhora do Rosário – O diálogo do Rio Colonial com a Cidade Maravilhosa – O Varandão do Centro Cultur al da Justiça Eleitoral – Rua do Ouvidor, logradouro inicial da iluminação a gás e da energia elétrica no espaço coletivo Carioca, de Machado de Assis e Chiquinha Gonzaga, bem como dos primeiros acordes do Carnaval Carioca, das lutas pelo abolicionismo e a República e das Confeitarias e lojas elegantes – O brilho das estrelas Cármen e Aurora miranda no sobrado da Travessa do Comércio – O iluminamento da antiga Catedral da Sé/Igreja do Carmo – De volta à claridade do Convento dos Carmelitas – Paço Imperial e da Luminar Isabel de Bourbon e Bragança – Os refletores sobre Tiradentes e ALERJ – O brilho e o requinte dos antigos Ministérios da Fazenda, do MEC e a austeridade do Ministério do Trabalho – Luzia dos Santos e Geográficos olhares – A Academia Brasileira de Letras - As novas Torres da Esplanada do Castelo – O Universo de extrema luminosidade da Cinelândia e seus Majestosos Prédios – A iluminância do jovem Theatro Municipal e da Biblioteca Nacional, o Boêmio Amarelinho, a Câmara dos Vereadores/Palácio Pedro Ernesto, O Centro Cultural da Justiça Federal, O eterno e resplandescente Cine Odeon – Metrô, uma sentinela luminosa a nos conduzir por lunares e ensolaradas Geografias.


Caminhando por Negras Geografias no Centro do Rio

Dia 13 de maio de 2011 – sexta-feira – encontro às 9 horas da manhã na estação do metrô Praça Onze

Itinerário: Praça Onze dos bambas e da Pequena África do Rio de Janeiro – Sambódromo (visita) – Terreirão do Samba/palco João da Baiana (visita) – Escola Tia Ciata – Igreja de Santana, mãe de Maria, avó de Jesus, a Nanã de negra devoção (visita) – Campo de Santana e da assinatura da Lei Áurea (atual Faculdade de Direito da UFRJ) – Rua Buenos Aires – Rua Uruguaiana – Igreja das irmandades negras de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito (visita à ex Catedral da cidade) – Ouvidor dos acordes iniciais do carnaval de rua – Rua do Carmo – Praça XV do júbilo da Abolição – Paço Imperial e de Isabel de Bourbon e Bragança


Roteiro Noturno no Centro do Rio a Pé

Dia 18 de maio de 2011 – quarta-feira – às 20 horas no adro da Catedral Presbiteriana (Praça Tiradentes com rua da Carioca)

Roteiro: Iluminados prédios da Catedral Evangélica do Rio de Janeiro e Real Gabinete Português de Leitura – Centro Cultural Carioca – Igreja Nossa Senhora da Lampadosa –Av.Passos – Território da “Daspu” – Praça Tiradentes dos teatros seculares e dos modernos hotéis – Rua da Constituição – Gomes Freire dos hotéis de alta rotatividade – Lavradio dos antiquários e casas de shows de iluminação mutante – Quarteirão Cultural e do RioScenarium – Esplanada de Santo Antônio – Largo Braguinha – Mem de Sá dos sobrados exuberantes, samba de raiz, marchinhas, mambo, funk, rock, travestis e mitológi ca malandragem – Seculares e simbólicos Arcos da Lapa – Rua Joaquim Silva – Escadaria Selaron – Igreja Nossa Senhora do Carmo da Lapa – Sala Cecília Meireles

Memória e Metamorfoses no Retorno aos Morros do Senado, Santo Antônio e Castelo

Dia 24 de maio de 2011 – terça-feira – 20 horas - encontro: junto ao Grande Templo Israelita (esquina de ruas Henrique Valadares com Tenente Possolo)

Itinerário: Grande Templo Israelita (visita), Rua Henrique Valadares, setor hospitalar do entorno, Praça da Cruz Vermelha, Rua da Relação, novas Torres da Petrobrás na Esplanada do Senado, Avenida Chile, Catedral Metropolitana de São Sebastião do Rio de Janeiro, Ventura Towers, BNDES, Petrobrás na Esplanada de Santo Antônio, Largo da Carioca, CEF, Avenida Almirante Barroso, Av. Presidente Antônio Carlos na Esplanada do Castelo.


(Re)conhecendo o Centro do Rio a Pé (em homenagem ao Dia do Geógrafo)

Dia 29 de maio de 2011 às 9 horas e 55 minutos no alto do pátio do Mosteiro de São Bento (rua Dom Gerardo, 40 5º andar)

Itinerário: Mosteiro de São Bento (assiste-se a cinco minutos da missa com cantos gregorianos), Vista Panorâmica da Praça Mauá, Área Portuária e Baía de Guanabara,Av.Rio Branco, Largo de Santa Rita/Largo da Sardinha, Rua Teófilo Otoni (e de Lamartine Babo), Av, Presidente Vargas, Igreja Nossa Senhora da Candelária (visita), Centro Cultural Banco do Brasil (intervalo de 15 minutos), Centro Histórico Beira-Mar, Rua Buenos Aires, Beco das Cancelas, Rua do Ouvidor, Travessa do Comércio/ sobrado de Aurora e Cármen Miranda, Praça XV, Paço Imperial e de Isabel de Orleans e Bragança (somente maquete do Centro do Rio e janela da anunciação da assinatura da Lei Áurea), Palácio Tiradentes, Rua São José, Largo da Carioca.


Celebrando os 200 Anos do Cemitério dos Ingleses

Dia 31 de maio de 2011 – terça-feira – encontro: 10 horas da manhã na portaria do Cemitério dos Ingleses, na Gamboa (em frente à Cidade do Samba). Coordenação do roteiro neste campo dos mortos: Profa. Olga Maíra Figueiredo (mestranda de Geografia da UERJ)

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Para todo momento

Sabe aquela sensação de que cada momento, por mais insignificante que possa parecer, tem o seu valor?

De que a vida, mesmo que por apenas pouco tempo, faz sentido?

Isso pode ser conseguido de uma maneira bastante simples (e lícita!): com a trilha sonora certa!!!

Claro que esta “epifania” não foi minha. Muito antes de eu pensar em vir a existir outros já haviam exaltado este poder da música.

O que eu descobri, e posso compartilhar com vocês, mesmo que sem a pretensão de ser em primeiríssima mão, é o DeepBeep.



Toda semana, o site convida artistas, DJs e personalidades para criarem suas seleções musicais totalmente ecléticas, que ficam disponíveis para download.

Além disso, no DeepBeep Moods existem váaaaaaaaaarias opções de setlists prontos com temas tão variados quanto "para cozinhar", "para driblar o trânsito" ou "para cantar junto".

Pra não faltar satisfação!

terça-feira, 3 de maio de 2011

They Draw and Travel

Ainda no clima das férias, ando pensando muito em férias ultimamente, tem o site They Draw & Travel, no mesmo estilo daquele que a Nanda postou aqui, o They Draw & Cook.

Em vez de postar uma receita desenhada, o princípio é desenhar um mapa da cidade e seus atrativos, sempre no mesmo molde. Toda e qualquer técnica é bem-vinda, o que faz do site um pequeno livro de arte virtual !


O Brooklyn não tem nada a ver com o que estou procurando como destino de férias, mas o mapa é interessante ! Fica para uma próxima vez...


ARTIST Cybèle from Brooklyn, NY
WEB walkcycle.com
MAP STARTING POINT Brooklyn Museum, 200 Eastern Parkway, Brooklyn, NY

O de Bruxelas é muito fofo !!! Mas eu já fui...


ARTIST Philippe Debongnie from Brussels, Belgium
WEB philippedebongnie.be
MAP STARTING POINT Anspachlaan 88, 1000 Brussels Hoofdstedelijk Gewest, Belgium


Eu queria alguma coisa mais praia.... Eu estava pensando em eventualmente dar uma voltinha pelo norte da Espanha comer cerejas em julho e encontrei esse...


ARTIST Kristin G. Jackson from Fayetteville, AK
WEB kristingjackson.blogspot.com
MAP STARTING POINT Calle de Elkano 7, San Sebastián, Spain

O site parece ser bem recente ainda. Não tem mapa de nenhuma cidade brasileira ! Alguém se candidata ?

segunda-feira, 2 de maio de 2011

MiMo ou Deejay, solta o som... #4 : Didier Lockwood ?

Acordei com vontade de relembrar um festival de música maravilhoso que assisti há dois anos atrás. Não é só durante o Carnaval que Olinda treme não ! Se você quiser conhecer a cidade numa época em que os preços são razoáveis mas mesmo assim com uma ótima programação cultural e sol à pino, recomendo o post abaixo.

Fui pra Olinda em 2009, e na primeira semana de setembro estava acontecendo a MiMo - Mostra Internacional de Música de Olinda, bem no ano da França no Brasil.

Esse festival exerce o importante papel de levar à população nordestina artistas renomados, música de qualidade do estilo popular ao mais erudito, que dificilmente viriam à região (e por que não, ao Brasil !? ). Desde 2009, aliás, a Mimo acontece simultaneamente em outras cidades como João Pessoa e Recife, no que espero, se tornará um dia um grande festival de música do Nordeste...

O esquema para ir ao show é muito simples, a cada dia de concerto, as pessoas que quiserem assisti-los devem se dirigir à escola municipal na entrada de Olinda para retirar um ingresso totalmente digrátis por pessoa. Mas tem que chegar cedo. Você que está por lá de férias, claro, vai passar o dia na praia, vai passear em Recife e lá pras 17h ou 18h vai tranquilamente buscar o seu ingresso, e se preparar pra curtir uma boa música !

Em se tratando de Olinda, os shows não poderiam ser em outros locais que não suas igrejas e conventos. Ok, a acústica é uma grande porcaria às vezes, mas no caso do concerto do Didier Lockwood & Ricardo Herz com participação do Quinteto da Paraíba e Mestre João Araújona foi simplesmente maravilhoso !

Embora tenha sido realizado na maior Igreja de Olinda, a Igreja da Sé, muita, mas muita gente infelizmente ficava de fora do show e por isso, a organização colocava sempre um telão do lado de fora das Igrejas, que fazia a transmissão ao vivo do concerto que rolava no interior. No video abaixo, o Didier vai dar um "oi" pra galera do lado de fora, que foi ao delírio !




Aqui, Didier Lockwood tocando Spain, de Chick Corea em João Pessoa no mesmo ano :


Beba com moderação, porque descer a ladeira da Misericórdia após algumas caipirinhas não é mole ! Subir então...

Claro que não vou deixar vocês apenas com filminhos caseiros, então pra encerrar, fica a apresentação de Didier Lockwood no Vitoria Jazz Festival, em 2010 :


Não resisti, e vou colocar mais um do Didier no 1o. International Gypsy Jazz Festival, Moscow, Russia, pois o som está muito bom !


Boa semana !

Maiores informações

domingo, 1 de maio de 2011

Palestra : A cidade integrada

O Convênio MORAR CARIOCA convida para o 2º Painel MORAR CARIOCA:


A cidade integrada



Os Painéis MORAR CARIOCA pretendem ser ambientes para a troca de ideias sobre a integração favela & cidade e a percepção do “ser carioca”.

Personalidades do ambiente intelectual da cidade no âmbito da literatura, artes plásticas, música, arquitetura, design, jornalismo e política serão convidadas a contribuir para ilustrar as possibilidades, o dinamismo e a riqueza sociocultural nos diferentes espaços da Cidade Maravilhosa.

Opiniões e pontos de vista de vários cronistas da cidade servirão como importantes subsídios aos projetos de urbanização das favelas do Rio no âmbito do MORAR CARIOCA – Plano Municipal de Integração de Assentamentos Precários Informais.


Moderador:
Sidney Rezende
Debatedores:
Dyonne Boy (Jongo da Serrinha)
Fernanda Abreu
Rodrigo Pimentel
Rui Castro

Quando e onde :
2 de maio de 2011 às 18h
na sede do IAB-RJ
Rua do Pinheiro, 10 – Flamengo
(esquina com Rua Dois de Dezembro)

sábado, 30 de abril de 2011

Book of Art


Saia da internet e vá ler um livro !


Saia da internet e vá amar !

Saia da internet e vá sonhar !



Saia da internet e vá criar !

foto

Saia da intern...

Maiores informações :
Book of Art

sábado, 23 de abril de 2011

História e culturas urbanas

Há quem diga por aí que Roberto Lobato Corrêa é o maior geógrafo cultural do Brasil e um dos maiores da área de geografia urbana, reconhecido internacionalmente...
Tá com jeito de ser super interessante !!!

Aliás, conheço uma certa mestranda que vai se interessar muito ! 

Obrigada à arquiteta Juliana Fernandes pela informação !
Data : 26 de abril 2011
Horário : 18h
Local : Casa Rui Barbosa
Rua São Clemente, 134 - Botafogo - Rio de Janeiro
Telefone : 3289-4641

- Entrada franca -

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Concurso Parque Olímpico - Rio 2016


Esqueçam do concurso anterior e vamos todos trabalhar novamente (di grátis) para mais um concurso que talvez não vá dar em nada, desta vez em escala internacional.

Mas o IAB é brasileiro e não desiste nunca. O Instituto tá certo de pressionar o governo a realizar concursos, nós é que estamos errados ao não pressionar para obter a divulgação dos resultados.

Por outro lado, confesso que eu dei muita risada quando recebi esse convite do IAB-RJ pro concurso Parque Olímpico Rio 2016. Rir pra não chorar !


Data : 25 de abril
Horário : 15h
Local : Palácio da Cidade



Segue abaixo matéria publicada recentemente pela folha de S. Paulo :

Concursos agitam arquitetura no Rio

19/04/2011 - 12:04
Em um país que tem 10 disputas por ano, cidade já conta 6 competições desde 2009 e vira referência na área
Reivindicação dos arquitetos, que terão conselho separado do Crea, é que sistema seja norma em obra pública

CLAUDIA ANTUNES
DO RIO

Uma série de concursos de projetos, parte deles para obras públicas, dinamizou o mercado de arquitetura e urbanismo no Rio e começa a fazer da cidade uma referência nacional na área.
Desde 2009, foram 6 concursos -a média anual nacional é de 10, segundo Fabiano Sobreira, professor do Centro Universitário de Brasília que estuda o tema.
Em breve, será divulgado o edital do sétimo, para o Parque Olímpico. A disputa será internacional e aberta, ao contrário das realizadas para a nova sede do Museu da Imagem e do Som, em Copacabana, e para a remodelação da Marina da Glória, feitas por carta-convite.
“Sem dúvida, o mercado cresceu. E os projetos não envolvem só arquitetos, mas engenheiros, topógrafos e até sociólogos”, diz Luiz Fernando Junot, professor da UFRJ e jurado do Morar Carioca, que recém-selecionou 40 trabalhos para urbanizar favelas da cidade.
A remuneração da execução dos projetos se baseia em um percentual do custo do empreendimento, variando de 3% a 7% -o Rio se destaca também pelo valor das obras.
O Porto Olímpico, por exemplo, deve movimentar R$ 7,5 bilhões. Mais de 80 equipes se inscreveram na disputa nacional do projeto.
O maior prêmio é de R$ 80 mil. O Instituto dos Arquitetos do Brasil recomenda que os quatro primeiros colocados sejam contratados.
No caso do Morar Carioca, a contratação dos 40 vencedores estava prevista no concurso para sua fase 2, orçada em R$ 2,7 bilhões e que pretende beneficiar 89 mil moradias em favelas até 2016.
Segundo o secretário municipal da Habitação, Jorge Bittar, as equipes serão chamadas em três etapas, começando neste mês. Os contratos somam R$ 112,5 milhões -valor de quase 23 mil salários de arquitetos, pelo piso de R$ 4.905 para oito horas.
“Houve concursos no Favela Bairro [anos 90], mas nada dessa dimensão. Faz diferença na qualidade da intervenção”, diz Bittar.

CONSELHO
Concursos para projetos de obras públicas são antiga reivindicação de arquitetos e de urbanistas -a Lei de Licitações recomenda, mas não determina sua realização.
Além de criar oportunidades profissionais, o argumento é que o método melhora a qualidade e a transparência da obra, pois o valor é fixado antes da execução, o que diminui os aditivos.
“Não podemos comprar uma ideia nova em concorrência pelo menor preço. A edificação pobre passa a ideia de desatenção”, diz José Eduardo Tibiriçá, da Asbea (Associação Brasileira de Escritórios de Arquitetura).
A categoria ressalta que o Brasil ainda está longe da União Europeia, onde concursos são obrigatórios para obras acima de 130 mil (R$ 298 mil). Na França, há mais de mil por ano.
O Brasil tem cerca de 90 mil arquitetos. Até o final do ano, eles terão um conselho próprio, o CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo).
Por lei sancionada em dezembro, a classe deixará o sistema Confea/Crea, onde era minoria entre engenheiros e agrônomos.

Jornal Folha de São Paulo, 17/04/2011.

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Deejay, solta o som... #3 : Jenny Wilson

Give it up ! Um pouquinho de girl power de qualité da cantora sueca Jenny Wilson pra levantar bem a semana.





Mais uma pra fechar com uma super chave de outro. Se tem algo que eu qualifico de stylish, é Jenny Wilson.


Maiores informações

terça-feira, 19 de abril de 2011

Eu grido !



Você já aprendeu a conjugar o verbo gridar ? Nãããão ?! Então vamos lá...

Tu gridas
Ele grida
Nós gridamos
Vós gridais
Eles gridam

Eu não fiquei mais doida não, mas gridar é há um bom tempo a melhor campanha filantrópica da internet que eu conheço e já está mais na hora de todos nós darmos um gás nessa novidade.

Trata-se do World Community Grid, um projeto lançado em 2004 pela empresa IBM. O objetivo é criar uma rede para capturar o processamento ocioso de computadores, que podem estar localizados em qualquer canto do mundo, e utilizá-lo no desenvolvimento de pesquisas científicas humanitárias, como a cura de doenças, programas de energia sustentável, alimentação, etc.

Acontece que muitas dessas pesquisas requerem processamentos que, mesmo se efetuados num super mega computador, demorariam milênios para serem concluídos, além de precisarem de recursos que muitas vezes os pesquisadores não dispõem. Daí a idéia de dividir a tarefa em pequenas partes que podem ser calculadas em computadores normais, como o meu e o seu, e distribuí-las ao redor do mundo.

Por exemplo, você trabalha quase o dia inteiro no seu computador. Na hora do almoço, você não desliga o computador, desliga ? Então, você pode doar esse processamento ocioso e deixá-lo programado pra ficar processando um arquivo qualquer durante a sua ausência. 

Ou então, você pode programá-lo pra ele rodar à cada vez que o seu computador ficar N minutos inativo. Ou programá-lo para funcionar de tal hora à tal hora. Ou então quem sabe, se você tem um computador sagaz, programá-lo pro BOINC rodar o dia inteiro, mas utilizando apenas um parte menor do seu processador, de maneira que ele não o torne devagar, já que tudo é configurável.

Então, pra participar, você precisa instalar o BOINC, que é o agente to World Community Grid,
é muito simples, não custa nada e não vai deixar seu computador mais lento, eu garanto ! Através desse pseudo-software, você pode inclusive acompanhar e se informar sobre qual projeto você está participando e visualizar o "objeto" que você está calculando !

 Eu grido. E nós ? Gridamos ?

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Smelly cat, smelly cat


Ok, vc comprou uma linda chaise-longe by Le Corbusier, obra-prima do design de 1928. 
Problema : o seu gatinho/cachorrinho/papagaio/macaquinho insiste em dormir looooogo onde ?! Bom sinal, seu fiel companheiro provavelmente deve ter o mesmo bom-gosto que a/o dona/o. 
Por isso, a marca alemã Pet-interiors criou cestinhos, caminhas e afins à altura do seu bichinho de estimação esnobe !
O modelo Rondo Stand Korb abaixo, tem o meu aval pra entrar pra decoração da Villa Savoye. E o de vocês ?!

Rondo Stand Korb - Pet-interiors

PS: Você a-m-o-u a casinha do gatinho mas não tem um gatinho ? Que tal pensar adotar um ? Procure se informar, pois na sua cidade com certeza deve existir alguma instituição que cuida de bichinhos abandonados. E se você conhece alguma, mande pra gente por e-mail e nós publicaremos aqui !

domingo, 17 de abril de 2011

Palestra com Felipe Góes, Secretário Extraordinário de Desenvolvimento



Vamos lá arquitetos ! Todos vocês que trabalharam dias, noites e madrugadas inteiras digrátis no projeto do concurso de rehabilitação do Porto Maravilha... Vamos encher esse cara de perguntas sobre esse tal legado da Copa do Mundo de futebol e das Olimpíadas... Afinal, cadê o resultado !?





O Instituto de Arquitetos do Brasil - RJ e a  Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (IPP), convidam para a palestra com 
Felipe Góes, Secretário Extraordinário de Desenvolvimento  
sobre  
"O Plano do Legado para Cidade do Rio de Janeiro"  
(Copa 2014 e Jogos Olímpicos e Paraolímpicos 2016)


com a participação do  Diretor Executivo do Instituto Rio 2014/2016 - Bernardo Carvalho e a Diretora de Relações Institucionais do I-Rio 2014/2016 - Deborah Levinson 



Data: 19 de abril de 2011
Horário: 18:30h
Local: Auditório IAB RJ
Rua do Pinheiro, 10 (esquina com Rua 2 de Dezembro)

PS: Ninguém merece o novo logo das Olimpíadas de 2016, esse da candidatura era muito melhor !!!

sábado, 16 de abril de 2011

Palestra "Contatos iniciais com as comunidades"

Um grande Bravo ao IAB-RJ está começando muito bem o ano promovendo uma série de eventos interessantes e importantíssimos para o desenvolvimento da comunidade de arquitetos !

Agora falando das comunidades em questão, essa palestra aborda o tema do projetar nas comunidades carentes, às quais raramente temos acesso enquanto cidadãos da temerosa classe média. Até que um dia, finalmente, começam a surgir projetos que visam melhorar a vida de pessoas que haviam sido esquecidas durante tanto tempo.

Partiu palestra, playboy !

© Yann Arthus-Bertrand/Earth from above/UNESCO


Dando sequência ao ciclo de aportes do Morar Carioca,
o IAB-RJ e a SMH convidam para a palestra
"Contatos iniciais com as comunidades"
com Paulo Storani (antropólogo e ex-comandante do BOPE)
A palestra abordará os seguintes pontos:
- A construção social das favelas do Rio de Janeiro;
- A cultura local;
- Orientações gerais sobre as pessoas e visitantes.
Local: Sede IAB-RJ (Rua do Pinheiro, 10 – esquina Rua Dois de Dezembro)
Data: 18 de abril de 2011 às 15h

*Pequeno bémol :  Uma pena que alguns horários propostos, tipo 15h da tarde em plena segunda-feira, não sejam possíveis para todos !!!

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Nokia Shorts 2011

Logotipo do Plantão da Globo.


A empresa Nokia e o site Vimeo criaram uma seleção para estimular a criação de filmes realizados com o mais novo modelo da marca, o N8.

Acontece mais ou menos assim : você manda o seu script e se ele for aceito, você ganha dois aparelhos N8 e US$ 5,000 pra produzir o seu filme. Mas não é só isso ! Se o seu filme for o vencedor, você ganha mais US$ 10,000 ! É isso mesmo, corra e participe ! Envie a sua obra para caixa postal, errrr, quer dizer, pro site e comece a torcer : )

Já tava sabendo ? Pois é, eu também não ! Se você tem alguma idéia guardada na gaveta, então passe à limpo correndo porque as inscrições são só até o dia 17/04/201...




Nokia Shorts 2011 Trailer from Nokia HD on Vimeo.

Mea culpa... Eu tinha lido a notícia sem perceber que já era pra entregar no domingo... désolée !

Amor à francesa...

Olha boa pro fim de semana aí gente !

Aliás, mil perdões pelo atraso dessa notícia - poderia ter sido a boa do final de semana passado também. A mostra de cinema Amor à francesa, no MAM, começou em abril, mas por algum motivo qualquer a comunidade França-Brasil só divulgou hoje !

Fica a ótima oportunidade pra quem está estudando francês, ou simplesmente adora um bom drama metido à intelectual !


Press release : 
Amor à francesa, mostra temática clássica e sempre atual na história do cinema, apresentada pelo Serviço Audiovisual do Consulado da França e o Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. A retrospectiva traz filmes com romances felizes, trágicos, dramáticos, convencionais, anti-convencionais, abrangendo várias facetas do escopo amoroso.

De As Damas do Bosque de Boulogne (Robert Bresson, 1945) até Má Fé (Roschdy Zem, 2006), passando por Duas Inglesas e o Continente (François Truffaut, 1971), E Deus Criou a Mulher (Roger Vadim, 1956) ou A Discreta Intimidade de uma Mulher (Christian Vincent, 1996), esta programação aborda todas as alegrias e as tristezas que o amor provoca, em 22 filmes. Alegrias e tristezas desde sempre acompanhadas pelo cinema francês com paixão e sob todas as formas e todos os gêneros: o amor manipulado, o amor perdido, o amor de época, o amor em canções, o ménage à trois, a paixão destruidora, o pecado do amor, o amor da mulher, a atração dos opostos…

Com o apoio da Cinemateca da Embaixada da França no Brasil, do Institut français, da Cinemateca brasileira e do Centro Técnico Audiovisual. Esta programação conta com cópias do Consulado Geral da França no Rio de Janeiro, Grupo Estação e Cinemateca do MAM.


A programação (à partir de hoje)

sex 15
18h30 - Amor à francesa – Destinos sentimentais Les destinées sentimentales de Olivier Assayas. França, 2000. Com Oliver Perrier, Charles Berling, Emmanuelle Béart. Legendas em português. 180’.  >> Jean e Pauline se reencontram pela primeira vez em Barbazac, durante um baile: ela tem apenas vinte anos e ele é pastor, casado, pai de família e acaba de resignar-se ao fracasso de sua união com Nathalie. Classificação indicativa – 14 anos.

sab 16
16h - Amor à francesa – O Cavalheiro do telhado e a dama das sombras Le Hussard sur le toit de Jean-Paul Rappeneau. França, 1995. Com Juliette Binoche, Oliver Martinez. Legendas em português. 120’. >> Durante uma epidemia de cólera que assola a França do século XIX, um jovem italiano desertor do exército francês, tenta retornar a seu país. Durante a fuga, ele conhece Pauline, uma aristocrata que sofre com a ausência do marido. Classificação indicativa – 14 anos.

18h - Amor à francesa – O joelho de Claire (Le genou de Claire) de Eric Rohmer. França, 1970. Com Fabrice Luchini, Jean-Claude Brialy. Legendas em português. 105’. >> Um homem maduro, prestes a se casar, conhece uma garota adorável e muito mais jovem. Um forte sentimento logo envolve o sério diplomata e a frágil, porém lúcida, garota. Classificação indicativa – 14 anos.  >>

dom 17
16h - Amor à francesa – A discreta intimidade de uma mulher (Le discret) de Christian Vincent. França, 1990. Com Fabrice Luchini, Judith Henry, Marie Bunel. Legendas em português. 95’. >> Dono de uma livraria e editor convence um amigo a seduzir uma desconhecida, escrever um diário íntimo de sua relação, publicar este diário e abandoná-la brutalmente. Classificação indicativa – 14 anos.

18h - Amor à francesa – Madame Bovary de Claude Chabrol. França, 1991. Com Isabelle Hupert, Christophe Malavoy, Jean Yanne. Legendas em português. 140’. >> Emma Rouault, de origem camponesa, se casa com o médico viúvo Charles Bovary. A vida no interior a aborrece e muito. O mesmo sentimento sente em relação ao marido. Classificação indicativa – 14 anos.

sab 23
16h - Amor à francesa –     ... E Deus criou a mulher Et Dieu crea la Femme de Roger Vadim. França, 1956. Com Brigitte Bardot, Curd Jurgens, Jean-Louis Trintignant. Legendas em português. 92’. >> Juliette, órfã, inventa e impõe uma autonomia solar e provocante, em Saint Tropez. A juventude e a beleza como promessas de felicidade. Classificação indicativa – 14 anos.

18h - Amor à francesa – Minha noite com ela (Ma nuit chez Maud) de Eric Rohmer. França, 1969. Com Anne Dubot, Françoise Fabian, Guy Léger. Legendas em português. 110’. >> O engenheiro Jean-Louis volta à cidade de Clermont depois de ter morado anos fora. Católico introvertido, ele acaba por nutrir uma paixão platônica pela loura Françoise, que ele encontra nas missas de domingo. Classificação indicativa – 12 anos.

dom 24
16h - Amor à francesa – A Falsa servente La Fausse suivante de Benoît Jacquot. França, 1999. Com Mathieu Amalric, Sandrine Kiberlain, Isabelle Hupert. Legendas em português. 90’. >> Jovem e rica decide se disfarçar, a fim de encontrar seu futuro marido. Travestida de homem, tece amizade com o sujeito para sondá-lo antes das núpcias. Classificação etária – 14 anos.

18h - Amor à francesa – Marie-Jo e seus dois amores Marie-Jo et ses deux amour de Robert Guédiguian. França, 2001. Com Ariane Ascaride, Gerard Meylan, Jean-Pierre Darroussin. Legendas em português. 124’. >> Marie-Jo, casada com Daniel, inicia um caso extraconjugal com Marco, mas não deixa de amar o marido: ela está apaixonada por dois homens. Classificação indicativa – 14 anos.

qui 28
18h30 – Bacalhau cinema clube – Mi vida em tus manos de Nuno Beato. Portugal, 2009. 9’. Na escola de Jorge Cramez. Portugal, 2010. 21’. Espelho lento de Solveig Nordlund. Portugal, 2009. 23’. Alfama de João Viana. Portugal, 2010. 15’. >> Programa com curtas-metragens recentes portugueses. Classificação indicativa – 14 anos.

sex 29
18h30 - Amor à francesa – Carmen de Godard Prénom Carmen de Jean-Luc Godard. França, 1983. Com Maruschka Detmers, Jacques Bonnaffé. Legendas em português. 80’. >> Filme vencedor do Urso de Ouro no Festival de Veneza. Carmen faz parte de um grupo de jovens que pretende assaltar um banco, e acaba se envolvendo com o guarda, que faz a segurança do estabelecimento. Classificação indicativa – 14 anos.

sab 30
16h - Amor à francesa – Uma cama para três Gazon maudit de Josiane Balasko. França, 1994. Com Alain Chabat, Anémone, Catherine Lachens. Legendas em português. 105’. >> Laurent e Loli formam um casal feliz que vive de modo burguês em uma pequena cidade do Sul da França. Até o dia em que o trailer de Marijo quebra bem diante da casa deles. Classificação indicativa – 12 anos.

18h - Amor à francesa – O amigo de minha amiga L’Ami de mon amie de Eric Rohmer. França, 1987. Com Legendas em português. 103’. >> Blanche acaba de se instalar em Cergy-Pontoise onde ela é nomeada responsável administrativa da Prefeitura. Certo dia, ela conhece Léa que, ainda que não muito esportiva, é convencida por Blanche a acompanhá-la à piscina. Lá, encontram Alexandre, um conhecido de Léa, acompanhado de Adrienne, sua namorada no momento. Classificação indicativa – 14 anos. 

Local:Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM RJ)
Av. Infante Dom Henrique, 85
Aterro do Flamengo
(21) 2240 4944
Data:de 1 a 30 de abril de 2011
[de sexta-feira a domingo]
Hora:veja programação
Valor:R$5 [inteira]
R$2 [meia]

Sociable

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  © Blogger templates Brooklyn by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP